Família Faria Machado


Por Elis de Sisti Bernardes


Já no século XX, mudou-se para o Itaperiú a família Faria Machado.

Francisco Maria de Faria Machado nasceu na Província do Minho, em Braga, em Portugal, filho de Sebastião José de Faria Machado e Rosa das Dores de Oliveira. Mudou-se para Barra Velha antes de 1883, onde conheceu Maria Balbina.

Casou com Maria Balbina Walter, nascida por volta de 1860, em Barra Velha, filha de Carlos Walter e Maria Thomazia da Conceição, no dia 30/07/1883, na Casa de Missões do Itapocú, pelo Padre João Maria Cybeo. Foram testemunhas: Alusina Vofn e Emilio Carlos Jourdan. As testemunhas não assinaram.

O casal teve os filhos: Dalila, Leonidas e Alfredo.

Francisco Maria de Faria Machado foi naturalizado brasileiro no dia 19/06/1885.

Maria foi professora pública na Vila do Paraty (1883-1885), do Itapocú (1890-1895) e de Jaraguá (1896-1899).

Francisco foi assassinado no dia 01/09/1891, no lugar Rainha, no Itapocú, por João Luiz dos Santos, que lhe devia uma conta. Francisco levou dois tiros de revólver e repetidas pancadas na cabeça deferidas com a mesma arma.

Maria Balbina Walter faleceu no dia 06/03/1906, às 10 horas da noite, em sua casa no Itapocú, vítima de influenza. Foi sepultada no Cemitério de Itapocú.

Em 1912, Leonidas e Alfredo, mudaram-se para o Itaperiú.



Filhos:




- Alfredo Faria Machado (*~1885, Barra Velha +21/11/1957, Joinville, diabetes Sep: Joinville), Morador no Itapocú (1908) e no Itaperiú (1912). Sabia escrever.
Casou com Ananias Maria Coelho (*~1894, Barra Velha +24/07/1963, Joinville, diabetes e reumatismo Sep: Joinville), filha de Antonio José Coelho e Belmira Lucinda da Silveira, no dia 07/12/1912, no Itaperiú. Ele foi estivador. Moraram em Joinville.
Filhos:

- [7 filhos]





- Dalila Farias de Machado (*~1886, Itapocú +19/07/1974, Curitiba, Paraná Sep: São Francisco de Paula, Curitiba). Sabia escrever. Morou no Distrito de Joinville.
Casou com Carlos Fernando Rauchbach (*04/08/1879, Joinville +06/01/1955, Curitiba, Paraná), filho de Carlos Fernando Rauchbach e Dorothea Frederica Schroeder, naturais da Alemanha, negociante, morador em Joinville, no dia 31/05/1902, na casa de Maria Thomazia Walter, pelo cartório do Itapocú. Moraram em Jaraguá e em Curitiba.
Filhos:

- Alfredo Rauchbach

- Atanagildo Rauchbach

- Waldemar Rauchbach

- Fernando Rauchbach Junior (*05/11/1908, Itapocú, Jaraguá do Sul +01/10/1992, Curitiba, Paraná)
Casou com Elly Emma Sophia Weber (*15/07/1913, Curitiba, Paraná +31/08/2005, Curitiba, Paraná), filha de Gustavo Weber e Maria Becker.

- Alcides Rauchbach

- Oracina? Rauchbach

- Walrides Rauchbach





- Leonidas Faria Machado (*09/08/1887, Barra Velha Bat. 10/04/1888, Barra Velha Padr: Emilio Carlos Walter e Veneranda Walter +Após 1920). Sabia escrever.
Casou com Maria Bernardina Coelho (*20/08/1891, Itaperiú), filha de Sotero José Coelho e Bernardina Caetana de Farias, no dia 28/09/1912, no cartório de Itapocú.
Filhos:

- Alvim de Faria (*~1913 +02/02/1918, Itaperiú, de ataque de vermes Sep: Itapocú)

- José (*~07/1919 +01/12/1919, Itaperiú Sep: Itapocú)

- Emilio Leonidas Farias (*01/04/1921, Barra Velha)
Casou com Olivia Melchioretto (*09/05/1919, Luiz Alves), filha de Jacob João Melchioretto e Fortunata Dal Ri, comerciário, no dia 07/05/1948, no cartório de Curitiba. Moraram em Curitiba e se divorciaram antes de 1971.





- Noemia Farias de Machado (*~1888)






Referências

- CARTÓRIO CIVIL. Livros de registros.
- IGREJA CATÓLICA. Livros de registros.
- O DESPERTADOR. Desterro, 1863-1885.
- TOMIO, Telmo. Genealogia e História.