Família Schramm


Por Elis de Sisti Bernardes


Já no século XX, antes de 1940, estabeleceu-se no Morro dos Monos a família de Schramm.

Pedro Schramm, ou Peter, nasceu por volta de 1879, em Blumenau, filho de Pedro Schramm e Catharina Shrammm, naturais da Europa e moradores em Blumenau. Aprendeu a escrever. Foi lavrador.

Casou com Juliana  Klarvinska, ou Jolianna, nascida por volta de 1883, na Europa, filha de Miguel Klanvinske (Michal) e Magdalena Klanvinski, naturais da Prussia e moradores no Itapocuzinho.

Primeiro casaram no religioso, antes de 1906. O casamento civil ocorreu no dia 06/04/1907, na casa do Juiz de Paz Gabriel Coelho da Rocha, no Itaperiú, pelo cartório de Barra Velha. Foram testemunhas: Gregorio Kasteller, 37 anos, lavrador, na Massaranduba; João Gonçalves da Silveira, 22 anos, lavrador; João Leal e Silva, 44 anos, negociante; Margarida Emilia Rebello, 48 anos, serviço doméstico; estes no Itaperiú.

Moraram em Massaranduba. Após 1933 mudaram-se para o Morro dos Monos.

Juliana Schramm faleceu aos 59 anos, no dia 04/02/1941, às 15 horas, no Morro dos Monos. Foi sepultada no Cemitério de Morro dos Monos, em Santa Cruz.


Filhos:



- Max Schramm (Marcos) (*~1906)
Casou com Adele Schramm.





- Maria Schramm
Casou com Aloisio Bruchmueller.





- Paula Schramm (*29/01/1910, Barra Velha +Após 1941)
Casou com Justino Tomaz da Silva (*26/09/1906, Barra Velha +23/07/1936, Morro dos Monos Sep: Massaranduba), filho de Candido Thomas da Silva e Maria Domingas de Souza, no dia 14/01/1933, no cartório de Barra Velha.





- Irma Schramm (*12/11/1913, Massaranduba +20/03/1990, Santa Cruz Sep: Santa Cruz)
Casou com Ricardo Paulo da Silva (*03/04/1912, Itajaí +14/12/1949, Barra Velha Sep: Santa Cruz), filho de Paulo Maximiano da Silva e Lidia Maria da Rocha, no dia 30/07/1932, no cartório de Barra Velha.
Filhos:

- [Ver filhos em Família Gonçalves Chaves]





Referências

- CARTÓRIO CIVIL. Livros de registros.
- IGREJA CATÓLICA. Livros de registros.